Podemos considerar, levando-se em conta o número de casos, como as principais formas de manifestações do câncer infantil os Linfomas, Leucemias e Tumores do Sistema Nervoso Central.

Outras formas de neoplasias infantis ocorrem com uma frequência menor, e são passíveis dos mesmos procedimentos quanto a prevenção, tratamento e cuidados utilizados para as formas mais comuns.

Entre as principais podemos citar:

  • Neuroblastoma (tumor de gânglios simpáticos)
    Os neuroblastomas se originam de células responsáveis pela formação de partes do sistema nervoso.Pode ocorrer em diversos áreas do organismo, desde a região do cérebro até a área mais inferior da coluna, incluindo todo abdômen.
  • Tumor de Wilms (tumor renal)
    É o tumor renal mais comum em crianças correspondendo a 94,7% dos casos de câncer renal em crianças com menos de 15 anos.Normalmente, o tumor somente se desenvolve em um rim, mas em um pequeno número de casos, pode atingir os dois rins.

    O primeiro sinal, normalmente, é a presença de uma massa no abdômen lisa e firme, não dolorosa. Também pode ser comum apresentar sintomas como dor no estômago, febre, sangue na urina ou pressão arterial alta.

  • Retinoblastoma (tumor da retina do olho)
    Tumor que se desenvolve na retina, decorrente da mutação de um gene. O Retinoblastoma Pode aparecer como um tumor único, mas tipicamente tem múltiplos focos. O tumor pode crescer em várias direções e extensões, envolvendo o nervo óptico e o sistema nervoso central.O sintoma mais frequente é a leucocoria, um reflexo branco amarelado na pupila causado pelo tumor localizado atrás das lentes, conhecido mais popularmente como “olho de gato”.

    Outros sintomas comuns são: redução visual ou até cegueira, estrabismo, irregularidade na pupila e dor.

  • Osteossarcoma (tumor ósseo)
    O osteossarcoma é o mais comum dos tumores malignos primários dos ossos, costumam atingir as extremidades dos ossos longos, na maioria das vezes acomete o úmero e a tíbia proximais e o fêmur distal.Os sintomas mais comuns são dor localizada e inchaço do local.

    As metástases ocorrem principalmente para pulmões e outros ossos e geralmente dão pequenos sintomas desde um estágio precoce da doença.

  • Sarcomas (tumores de partes moles)
    Em geral, os sarcomas de partes moles recebem o nome do tecido onde se originam, o mais comum é o Rabdomiossarcoma, o sarcoma do tecido muscular estriado, correspondendo a cerca de 50% dos sarcomas de partes moles entre crianças.A maioria dos tumores localizam-se na região da cabeça e pescoço, seguido da região genito-urinário e extremidades.

    A primeira manifestação da doença se dá pela presença de um tumor e os sintomas decorrem da sua localização.

(Fonte: INCA – Adaptado por Dr. Francisco Pedrosa, oncologista pediatra – CRM 1464)