Fundado em outubro de 1985, por um grupo de pessoas sensibilizadas com o problema do câncer infantil, o Nacc vem oferecendo suporte aos serviços de oncologia pediátrica da Cidade do Recife, através de apoio às crianças carentes em tratamento na cidade e seus familiares. Proporcionando assim as condições necessárias para que possam resolver todas as dificuldades inerentes ao tratamento.

O Nacc não é uma entidade médica, portanto não trata dos pacientes.

O tratamento é de responsabilidade do serviço médico onde a criança é matriculada e atendida.

O paciente só poderá ser cadastrado no Nacc, se for encaminhado por um serviço de oncologia do estado de Pernambuco, após consulta ao serviço social do Nacc.

Com a sua ajuda,
• Como voluntário;
• Fazendo parceria;
• Doando alimentos, roupas ou brinquedos;
• Realizando depósito em conta-corrente;
• Divulgando / desmitificando a causa do câncer infantil.

O Núcleo de Apoio à Criança com Câncer consegue oferecer:
• Hospedagem ao paciente com direito a um acompanhante;
• Transporte para levar o paciente ao hospital onde realiza o tratamento, bem como para outras unidades hospitalares quando necessitam realizar exames;
• Alimentação;
• Auxílio transporte para as crianças que residem no interior e não são beneficiadas com tratamento fora de domicilio;
• Vale-Transporte para as crianças que residem na Região Metropolitana do Recife, a fim de que possam, nos dias certos, ir ao seu hospital para exames e tratamentos;
• Programa de suporte alimentar com liberação de cesta básica, com o acompanhamento da nutricionista;
• Leite e Suplemento Alimentar para as crianças que necessitam de suporte nutricional, mediante prescrição médica;
• Suporte psicossocial;
• Programas de atendimentos nas áreas de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional;
• Atendimento odontológico para pacientes e acompanhantes;
• Programa de reabilitação para pacientes amputados, com doação de próteses e orteses;
• Programas educativos e de lazer;
• Programas profissionalizantes para pacientes adolescentes, pais e acompanhantes;
• Elaboração, edição e distribuição de material de apoio educativo e informativo a respeito da doença e do tratamento. Distribuído com os pais ou cuidadores por ocasião da admissão;
• Programa de diagnóstico precoce com as unidades do Programa de Saúde da Família;
• Atendimento nutricional;
• Sala de aula (parceria com a Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco);
• Sala de leitura Josué de Castro;